Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Senador defende revisão do modelo de financiamento de infraestrutura na educação infantil

Senador defende revisão do modelo de financiamento de infraestrutura na educação infantil

Senador defende revisão do modelo de financiamento de infraestrutura na educação infantil

Senador defende revisão do modelo de financiamento de infraestrutura na educação infantil – Apontado como o mais importante programa de infraestrutura educacional, o Proinfância precisa ser revisto, defendeu nesta quinta-feira (9), o presidente da Comissão de Transparência, Governança, Fiscalização e Controle e Defesa do Consumidor (CTFC), senador Rodrigo Cunha (PSDB-AL), durante audiência para debater obras não iniciadas, paralisadas e atrasadas de creches e pré-escolas no país.

Leia também:

Saiba quais são as profissões que mais crescem no Brasil

De acordo com relatório da Controladoria Geral da União (CGU), entre 2013 e 2016, de 8.824 obras previstas com recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), 3.482 foram concluídas e só 1.478 creches e pré-escolas estavam funcionando. Outras 1.297 obras estavam inacabadas, com um prejuízo potencial estimado em mais de R$ 800 milhões. Para o senador, é preciso repensar o modelo do Programa Nacional de Reestruturação e Aquisição de Equipamentos da Rede Escolar Pública de Educação Infantil diante de tantos problemas na execução das obras.

— Tão danoso quanto a corrupção é a má utilização dos recursos públicos. O que fazer com obra com percentual avançado, mas municípios não têm recursos para isso? Um novo modelo de planejamento deve ser dado. O fato é que não está dando certo. Precisamos de outra estratégia de trabalho que não seja apenas o repasse de recursos — apontou o senador.

De acordo com o presidente da Confederação Nacional dos Municípios (CNM), Glademir Aroldi, a maioria dos municípios têm interesse na conclusão das creches e pré-escolas, mas, segundo ele, nem todos têm recursos suficientes para finalizá-las.

Portaria de nº348, editada em 2016 pelo Ministério do Planejamento, determinou que as obras com mais de 50% construídas à época fossem finalizadas até 30 de junho de 2018 e as com percentual abaixo, deveriam ser terminadas até 31 de dezembro do ano passado. Mas muitas não foram finalizadas e não podem mais receber recursos da União. O gestor municipal deverá finalizá-las com recursos próprios ou devolver o valor do investimento feito ao governo federal.

— Precisamos da repactuação urgente dessas obras. Em alguns casos, o prefeito está com interesse de retomar a obra, mas ele não tem o recurso necessário para conclusão porque essa obra iniciou anos atrás e agora, na retomada o valor, já é outro, o município vai ter que dispor de alguns recursos e a maioria dos municípios está em situação complicada. Quase 80% dos prefeitos querem retomar essas obras — afirmou Aroldi.

Apesar de ressaltar o empenho do atual governo em investir na educação básica, o presidente do FNDE, Carlos Alberto Decotelli da Silva, disse que a autarquia não tem como destravar recursos de todas as obras.

— Está além da competência a possibilidade de flexibilização e repactuação do FNDE — afirmou.

Ele ressaltou, contudo, que outras obras paralisadas que não se enquadram nas regras da portaria podem ser revistas nos termos da Resolução 3 de 2018, que autorizou o FNDE a pactuar novos termos de compromisso com gestores que queiram finalizar obras que tiveram sua execução interrompida em decorrência do término da vigência. Segundo Decotelli, muito dinheiro está travado nas contas das prefeituras por questões burocráticas ou falta de prestação de contas.

— Há mais recursos paralisados nas contas das prefeituras que não sabem utilizá-los do que no FNDE. Se não houver preocupação dos gestores da educação, não adianta pensarmos em liberar, em pedir mais dinheiro. O FNDE pode orientar os gestores municipais que tiverem dúvidas sobre como liberar esses recursos — assinalou.

O prazo para os municípios se adequarem é 25 de setembro de 2019. De acordo com dados do FNDE, existem 1.605 obras com status de inacabadas com recursos do fundo, 676 pediram nova repactuação, 61 pedidos foram indeferidos.

A CTFC já realizou outras reuniões para tratar do Proinfância, com representantes de órgãos de controle e do FNDE.

primeira audiência foi realizada no dia 11 de abril e a segunda, no dia 25 de abril.

Fonte

Conheça a relação de cursos online e ao vivo da I9 Treinamentos para o ano de 2019. Novos cursos e professores renomados. Clique na imagem abaixo e fique sabendo muito mais…

Conheça cursos presenciais I9 Treinamentos 2019

maio 2019

22mai(mai 22)08:3024(mai 24)16:30Legislação e prática sobre o Sistema de Concessão de Diárias e Passagens - SCDPSaiba efetuar a gestão da solicitação de diárias e passagens os órgãos e entidades da Administração Pública federal direta, autárquica e fundacional.

27mai(mai 27)08:0028(mai 28)17:00Curso prático de elaboração de termos de referência e projetos básicosAssegure-se que o processo de licitação será econômico e juridicamente eficiente.

29mai(mai 29)08:3031(mai 31)16:30Licitação e contratação de obras e serviços de engenhariaQuestões práticas sobre Licitação, Contratação, Gestão e Fiscalização de Obras e serviços de engenharia, incluindo aspectos fundamentais sobre anteprojeto, projeto básico, projeto executivo, orçamento, orientações do SINAPI, CAIXA e TCU.

junho 2019

03jun(jun 3)08:0004(jun 4)18:00Emendas Parlamentares junho de 2019Entenda o processo de captação de recursos através de emendas parlamentares

05jun(jun 5)08:3007(jun 7)16:30Curso de Auditoria, Controle Interno, Governança e Gestão de Riscos no setor públicoTécnicas e rotinas de acordo com as Normas de Auditoria e Gestão de Riscos Aplicáveis ao Setor Público

10jun(jun 10)08:0014(jun 14)17:00Curso Siconv Completo Junho de 2019Saiba tudo sobre o funcionamento do Siconv e sua correta utilização. Curso com todas as atualizações do Siconv

17jun(jun 17)08:0018(jun 18)17:00Plataforma +Brasil Junho de 2019 Incluindo atualizações do SiconvPlataforma +Brasil Junho de 2019 incluindo atualizações do Siconv

19jun(jun 19)08:0021(jun 21)17:00A nova matriz de saldos contábeis – MSC através do SICONFISaiba tudo sobre o SICONFI e desenvolva todas as suas potencialidades.

24jun(jun 24)08:0025(jun 25)17:00Gestão do Patrimônio Público sob ótica das NBCASPConheça as modernas técnicas de suprimentos e gestão de materiais e principalmente, na área pública o Desfazimento de Bens.

26jun(jun 26)08:3028(jun 28)16:30Orçamento Público integrado com Execução Orçamentária, Financeira e ContábilCompreenda os fundamentos e princípios que norteiam o ciclo orçamentário e seus instrumentos de gestão pública referentes aos recursos públicos.

julho 2019

01jul08:0002(jul 2)17:00Contratação de Serviços Terceirizados em três momentosTudo sobre Contratação de Serviços Terceirizados em três momentos: Planejamento da licitação, seleção de propostas e gerenciamento do contrato.

03jul(jul 3)08:3005(jul 5)16:30Curso de Siconv compactoCurso compacto para aqueles que tem pouco tempo e querem aprender sobre o funcionamento do Siconv e sua correta utilização.

08jul(jul 8)08:0009(jul 9)17:00Marco Regulatório das Organizações da Sociedade CivilPrepare editais de seleção de organizações da sociedade civil que assegurem processos econômicos e juridicamente eficientes.

10jul(jul 10)08:3012(jul 12)16:30Cerimonial, Protocolo e Organização de EventosHabilite-se a executar solenidades com excelência.

15jul(jul 15)08:0019(jul 19)17:00Curso Siconv Completo Julho de 2019Saiba tudo sobre o funcionamento do Siconv e sua correta utilização. Curso com todas as atualizações do Siconv

24jul08:0018:00Simec Introdução ao PAR julho de 2019compreenda a correta utilização do SIMEC na fase preparatória

25jul08:0018:00Simec Fase de Diagnóstico do PAR julho de 2019Compreenda a correta utilização do SIMEC de Diagnóstico do PAR

26jul08:0018:00Simec Fase de Planejamento e Execução julho de 2019Compreenda a correta utilização do SIMEC de Planejamento e Execução

29jul(jul 29)08:3031(jul 31)16:30Tesouro Gerencial AvançadoExecute as funções do sistema Tesouro Gerencial

Cursos em Destaque